• Taís Veloso

Teorias (quase) conspiratórias em torno de Mãeana

Mãeana é o nome artístico de Ana Cláudia Lomelino. A persona misteriosa que despertou minha curiosidade e me levou a fazer uma pequena pesquisa sobre o seu trabalho.

Talvez Mãeana seja mais do que um pseudônimo, seja uma entidade, uma mãe de santo, uma energia poderosa, sagrada e feminina que existe independente de Ana Cláudia Lomelino.


No início de 2019 eu escrevi um texto em uma rede social, sobre melancolia não me lembro exatamente o que escrevi. Lembro que apaguei pois muita gente comentou e eu senti vergonha. Entre as pessoas que comentaram estava Ana Cláudia que até então eu não sabia que era a criadora do projeto Mãeana.


Trocamos o telefone e começamos a conversar, eu não fazia ideia de quem era ela. Só sabia que ela me ajudava muito espiritualmente quando eu realmente precisava. Ela se demonstrou sensitiva, carinhosa, solícita, ligada a espiritualidade e mistérios. Até então, eu passei semanas conhecendo apenas a Ana.


Cada dia que passava a minha melancolia diminuía e ela me aconselhava e eu recebia com carinho os seus conselhos. A ela eu sou muito grata, porque me ajudou a entender um poder que existe em mim e em todas as mulheres e eu não fazia ideia do que era, continuei fazendo terapia e conversando com ela de vez em quando.


Até o dia que eu descobri que Ana Cláudia era Mãeana e descobri o meu álbum mais escutado até o presente momento, o álbum Mãeana, de (2015). E aí sim, foi a dose homeopática diária que eu precisava pra me curar.


Essa é a história de como eu tive o privilégio de ter a amizade da Ana. Agora, vamos ao que interessa nesse texto. A minha análise do álbum minha teoria quase conspiratória sobre Mãeana.


Mãeana é o heteronônimo de Ana Lomelino, assim como Fernando Pessoa criava heteronônimos com data de nascimento, personalidade diferente. Ana Cláudia é uma artista contemporânea extremamente criativa que pode ter criado uma personalidade diferente para Mãeana. Ela pertence a uma família artística conhecida e importante no Brasil. Nora e mãe de três dos netos de Gilberto Gil, grande cantor e compositor brasileiro que marca não só a sua geração como modificou pra sempre a arte brasileira.

Mãeana tem o privilégio de se relacionar diretamente com os artistas da grande indústria e de peso histórico na música brasileira e de qualquer forma ela pertence a esse meio.


Além de notar influência da vanguarda no trabalho da Mãeana, durante a minha pacata pesquisa não custou muito encontrar referências da apresentadora Xuxa. No caso, você não precisa ouvir o álbum ao contrário.


Basta ouvi-lo inteiro do início ao fim que se você se esforçar poderá dizer que encontrou mensagens subliminares, de amor, força e poder feminino e poderes curativos. Ouvir esse álbum é como ouvir a Tábua de Esmeralda de Jorge Bem Jor (1974) Porque contém um ritual que convida quem está ouvindo a participar, ainda que não perceba o que aquilo significa.


Ouvir esse álbum pode trazer cura, tranquilidade, mudar a atmosfera do ambiente e troca suas lentes de visão de mundo por algum momento. É como se você fosse a praia e colocasse óculos com lentes brilhantes e coloridas.


Enquanto você escuta esse álbum você pode sentir alterações energéticas no ambiente, claro, se você não for uma pessoa levada ao ceticismo, e se permitir ser tocado pelo psicodelismo sonoro nos instrumentos, vozes de criança, frases ditas durante canções e todo o cuidado e carinho que esse álbum foi produzido.


Também chama atenção a interpretação de Mãeana, assim como Gal Costa pode cantar Caetano Veloso a Teago Oliveira e parece que as duas canções foram compostas pela Gal. Mãeana também realiza co-autoria cantando Caetano Veloso e Adriana Calcanhoto.


Quando eu descobri que tinha canção de ambos autores, eu não identifiquei de imediato. Porque era totalmente diferente a marca de ambos autores impressa na interpretação de Mãeana.


É por esse motivo que ouvir mãeana pode ser uma experiência ritualística e sobrenatural, com direito a energia das pleides que é invocada em na faixa 4 do álbum mãeana e romance espacial na faixa 9. É um ritual que deve ser feito sem ser interrompido e pode te proporcionar a alguma experiência sobrenatural, ainda que seja apenas uma grande sensação de bem estar por essa obra inspirada.


Escute e tenha uma boa experiência! É certo que essa é apenas a minha opinião, não significa a verdade absoluta e nem o pensamento da artista sobre o seu próprio trabalho.

Siga Mãeana nas redes sociais no

Instagram: @maeana_

Site: www.maeana.com

123 visualizações

Apoio

© 2020 - Site em Creative Commons - SigoSom - PI

© 2017 - Associação de Arte e Cultura Periferia Invisível